segunda-feira, 15 de outubro de 2018

07 hábitos que mudaram a minha vida positivamente

De 2014 para cá, muita coisa aconteceu na minha vida. Obviamente, aconteceram coisas negativas, mas também muita coisa positiva cruzou o meu caminho. Acho que as escolhas que fiz neste tempo me ajudaram muito a definir quem eu sou e qual o caminho que desejo continuar seguindo na minha vida. O que me levou às escolhas que fiz foi a ansiedade que chegou em um nível patológico e me obrigou a olhar para mim mesma, e eu sou grata por isso, pois por causa desse problema eu me tornei uma pessoa mais realizada e feliz. É claro, que eu não fico positiva e alegre o tempo todo, mas aprendi a usar algumas ferramentas que me ajudam a manter o equilíbrio.

Essas ferramentas são 07 hábitos que resolvi incorporar em minha vida e que trouxeram/trazem mudanças muito positivas, dia após dia, e são esses 07 hábitos que eu vou compartilhar com você hoje, e quem sabe alguns deles também possam ser úteis para você e te ajudar no seu processo de autoconhecimento/autodesenvolvimento em busca de uma rotina mais agradável e feliz, é claro que não o tempo todo, porque a vida tem seus altos e baixos, mas é possível se tornar mais consciente mesmo durante os momentos não tão bons. Vamos lá?

1 - Yoga
Praticar yoga faz parte da minha vida. A prática de yoga me possibilitou muitos aprendizados sobre mim mesma, e acabou me mostrando um outro jeito de encarar a vida. Atualmente, eu pratico yoga duas vezes por semana, nas terças e quintas-feiras, mas se sinto necessidade e vontade acabo incluindo outros dias nesta rotina. Eu mesma monto e organizo minha prática, não é um bicho de sete cabeças, e você pode começar em casa se quiser, se tomar todos os cuidados para evitar lesões é bem tranquilo. Procure na internet posturas simples para começar, e depois com o tempo você pode ir modificando algo ali ou aqui. O importante é manter a frequência para que você possa perceber as mudanças, tanto físicas como emocionais.


2 - Meditação
Se tem uma coisa que realmente mudou a minha vida posso afirmar com toda a certeza que foi a prática de meditação. Meditar me deu uma clareza mental e um equilíbrio emocional maior, mas repito, não é sempre, às vezes, assim como você, eu me atrapalho com minhas emoções e tudo bem, o importante é ficar consciente desses momentos, para assim poder entendê-los com mais clareza. De um modo geral, meditar me deixou mais tranquila e com uma capacidade de raciocínio maior. Agora, quando eu tenho um problema, mesmo que a reação inicial seja confusa, eu começo a olhar para a situação com uma amplitude maior, o que me possibilita lidar com o problema e com os meus sentimentos em relação à ele (o problema) de uma forma mais inteligente. Se você ainda não medita e sente dificuldade para começar, tente iniciar com poucos minutos por dia e com o auxílio de meditação guiada, quando você se sentir preparado, e esse momento irá chegar, vá se desligando dos apoios iniciais e focando somente na sua respiração, com o tempo você vai perceber mudanças muito positivas em sua vida, eu te garanto.

3 - Leituras inspiradoras
Ler também mudou a minha vida. Eu era meio preguiçosa para leitura, eu confesso. Depois que comecei a me interessar por autoconhecimento, iniciei a leitura de livros e de blogs/sites que falam sobre o assunto. Eu percebi que sempre havia algo novo para aprender e testar na minha rotina. Algumas coisas deram certo outras não, mas a leitura me ajudou demais neste processo, e até hoje ajuda. Se você tem o hábito de ler muita notícia ruim, fofocas, tente mudar um pouco o foco e observe. Leia blogs com assuntos mais leves e livros que te ajudem a se transformar como pessoa. Não estou dizendo que você deve ficar alienado do mundo, não é isso, você pode continuar se informando, só abra possibilidade para outras leituras que você considera que possam agregar algo positivo em sua vida, ajuda muito, inclusive na criatividade.


"O homem que não lê bons livros não tem nenhuma vantagem sobre o homem que não sabe ler." Mark Twain


4 - Prática da gratidão
Eu era uma reclamona de carteirinha, sim eu podia ser a chefe do clube dos reclamões, rs. Depois de ler os livros "O poder" e "A magia" da Rhonda Byrne, eu resolvi dar uma chance para esse negócio da gratidão, e não é que isso mudou a minha vida. Eu comecei a listar/escrever as coisas pelas quais sou grata e percebi que eu tenho mais coisa para agradecer do que para reclamar. Antigamente, meu foco estava no que eu não tinha, hoje eu foco no que eu tenho e agradeço por isso. Agradecer pelas coisas, pessoas e por minhas características positivas aumentou muito a minha autoestima, se você ainda faz parte do clube dos reclamões, talvez começar a agradecer por coisas simples, pode te ajudar a mudar o foco. Tente começar e depois me conta o que mudou. Combinado?

5 - Escrever sobre o que eu estou sentindo
Quando eu estou confusa, com algum sentimento que está me deixando para baixo, eu tento escrever sobre o que aconteceu e o que eu estou sentindo em relação à isso. Parece que toda a angústia vai passando para o papel, ao escrever eu vou me conectando com os sentimentos, e esclarecendo a situação na minha cabeça. Eu gosto de escrever, ler, dar um tempo e se sinto necessidade, eu rasgo o papel, porque se já compreendi eu não sinto necessidade de guardar aquela informação. Mas, sei de pessoas que escrevem em cadernos e gostam de ler depois de um tempo as informações descritas ali, como se fosse um diário. Faça do jeito que você sentir que tem a ver com você, mas tente escrever, você vai ver como a escrita pode ser terapêutica.

6 - Mudar o pensamento
Eu aprendi a observar e mudar meus pensamentos. Teve um dia não muito distante, rsrs, que eu estava bem desmotivada e desanimada com várias coisas na minha vida, inclusive desanimada com o blog. Então, eu acordei com pensamentos negativos e questionando várias situações, ao sentar na cama, antes de levantar eu pensei o seguinte: "Nossa, a minha vida não está como eu queria que ela estivesse. As coisas não estão acontecendo como eu esperava" (tem vídeo sobre isso no youtube - clique aqui para assistir).
Assim, que pensei isso, e já ia me levantar para começar um dia que provavelmente seria péssimo por causa da minha vibração, eu pensei: "Se tudo está acontecendo desse jeito. Então por algum motivo esse é o jeito certo." Imediatamente, a vibração mudou, ao mudar o pensamento, eu entendi que eu poderia trabalhar no que agora não está tão legal, e quem sabe essa seja uma oportunidade boa para conhecer gente nova, aprender novas coisas. É preciso, estar consciente dos pensamentos para mudá-los quando isso for necessário, evitando assim, pensamentos automáticos de solidão, baixa autoestima, reclamação. Observe seus pensamentos e como eles são capazes de influenciar o seu dia, e se sentir que eles estão muito negativos, tente mudá-los, ajuda bastante.


7 - Usar as redes sociais com mais consciência
Eu tinha uma mania de ficar olhando as redes sociais quase que de meia em meia hora. A primeira mudança que fiz foi estabelecer horários para acessar as redes sociais. Agora, eu ando me policiando para não extrapolar neste quesito. É claro, que uma vez ou outra, eu até olho com mais frequência, mas perto do que era, mudou muito. Se para você fizer sentido, tente estabelecer horários para a redes sociais ou um limite de quantas postagens diárias você vê, muitas vezes, a gente nem percebe o quanto as redes sociais influenciam a nossa vida. Não é viver sem e deixar de compartilhar o que você gosta, acho as redes sociais super importantes, e gosto bastante, mas acho que é importante usar conscientemente para aproveitar melhor o seu tempo.

Esses 07 hábitos me trouxeram bem-estar e qualidade de vida. Espero que algum faça sentido para você, ou todos quem sabe, e assim você também talvez se anime para começar uma rotina diferente em sua vida. 

E você tem algum hábito que mudou a sua vida para melhor? Se quiser me conta nos comentários, eu vou adorar saber. 

2 comentários:

  1. Acho fantástico Yoga, já fiz, meditar ainda não consigo , adoro fazer leituras inspiradoras tambem e as vezes arrisco escrever algumas coisas tambem.A musica tambem me inspira muito.
    Ótimo post parabens!!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Isabel! Eu comecei a meditar assistindo uns vídeos da Amanda Dreher (youtube). Me ajudou bastante!

      Beijo!

      Excluir