04 passos para parar de se preocupar + Dica de floral

Preocupação é uma das coisas que pode tirar o sono de qualquer pessoa. As causas da preocupação podem ser várias: - Preocupação com os filhos, preocupação com a saúde, preocupação com algum ente querido, preocupação com o emprego ou desemprego, preocupação com um relacionamento, e por aí vai.

A preocupação quando em excesso pode acabar gerando pensamentos obsessivos, que são aqueles que acabam não saindo da nossa cabeça, vira e mexe eles voltam  a nos atormentar e tirar nossa paz. Acredito que a preocupação faz parte da vida, e até é algo comum entre nós. O ruim é quando ela nos tira do momento presente, e causa uma angústia muito grande, fazendo com que nós nos desesperemos e muitas vezes até podemos acabar agindo sem nenhuma observação, sem esperar o momento oportuno.



Para minimizar a preocupação podemos seguir alguns passos, tais como:

1) Indagar: O que é real x O que é imaginação
Dentro dessa situação que te preocupa procure questionar o que há de real e o que há de imaginário. Muitas das minhocas que alimentamos em nossa mente não são reais, são suposições que fazemos em cima de acontecimentos que não são concretos. Por isso, é sempre bom por os pezinhos no chão, quando a cabeça roda, e se perguntar: O que é real? O que é minha imaginação?
Isso irá ajudar a desafogar os pensamentos. Se achar interessante, você pode inclusive escrever em um caderno e ler em voz alta, isso ajuda muito.

2) Você está agindo pelo medo ou pela fé
Há cerca de 4 anos atrás, eu estava com um problema de saúde e a preocupação com uma possível doença me atormentava, e entre exames e espera, a preocupação não saia da minha cabeça, até que minha mãe me disse: "Você não tem fé?" Aquela pergunta foi como uma flechada em meu coração. Naquele momento de preocupação, eu não estava agindo pela fé e sim pelo medo de algo que não se concretizou, graças a Deus. Até hoje eu repito a frase da minha mãe para mim, quando estou muito preocupada com algo, me pergunto: "Você não tem fé?" E isso me ajuda a recuperar o equilíbrio. É importante sempre nos questionarmos se num momento de preocupação, não estamos abrindo espaço para o medo agir ao invés da fé.



3) Deixe ir aquilo que você não pode controlar
O que você está segurando? Ao que você está se agarrando? Pare para refletir, muitas vezes ficamos extremamente preocupados com situações que fogem do nosso alcance, com coisas que não podemos controlar, como por exemplo, o comportamento de uma outra pessoa. Se você perceber que isso que te preocupa foge da sua "ossada", deixe ir e confie.

4) Concentre-se no agora
Coloque sua mente para trabalhar a seu favor, e isso se faz com ela no presente. Todas as vezes que você estiver excessivamente preocupado com algo, se pergunte: "Onde estou agora? O que estou fazendo agora?" E traga a sua mente novamente para o momento presente, isso ajudará a aliviar a preocupação. 

Dica de floral: White Chestnut
O floral White Chestnut pode ajudar muito quem sofre de preocupação excessiva, pois é um floral que atua nos pensamentos indesejados, aquele tipo de pensamento que parece uma cola e continua indo e vindo para a mente, e você tem a sensação de que não vai conseguir se livrar deles. Em geral, sua mente divaga num excesso de diálogo mental, em geral, com pensamentos negativos. Esse floral ajudará no restabelecimento espiritual, ajudará a acalmar os pensamentos e clarear as ideias, assim a pessoa passará a usar os pensamentos de uma forma mais construtiva.


Para saber mais sobre terapia floral, clique aqui.

Afirmação para momentos de preocupação excessiva:

Eu estou calmo, a calma flui em minha vida.
Eu confio no fluxo da vida.
A fé guia meus passos em direção ao melhor para mim.

Espero que você tenha gostado das dicas, e me conta nos comentários, o que você faz para diminuir a preocupação na sua vida?

Até o próximo post :)




Nenhum comentário:

Imagens de tema por merrymoonmary. Tecnologia do Blogger.